Policial militar morre em troca de tiros com investigadores do Garra na zona sul de São Paulo / Portal O Estadão

Policial morto tinha 20 anos de corporação, era casado e deixa um filho; ocorrência foi encaminhada à Corregedoria da Polícia Civil

SÃO PAULO – O soldado Geraldo Alves Cruz, de 48 anos, da Força Tática do 50º Batalhão da Polícia Militar, foi baleado e morto, na noite de segunda-feira, 3, ao trocar tiros com dois policiais civis do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (GARRA ) na Rua Jequirituba, no Parque Grajaú, zona sul da capital paulista.

Os investigadores, em uma viatura descaracterizada, faziam diligência na região à procura de ladrões de carga, quando encontraram um grupo de seis homens, entre os quais estava o policial militar.

LEIA MATÉRIA COMPLETA, ACESSE:

http://www.estadao.com.br/noticias/cidades,policial-militar-morre-em-troca-de-tiros-com-investigadores-do-garra-na-zona-sul-de-sao-paulo,968953,0.htm

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: